Apresentação

No agroecossistema brasileiro, composto por múltiplos cultivos, o complexo de espécies de percevejos causa prejuízo em muitas culturas. A sua alimentação resulta em danos diretos à parte reprodutiva das plantas (sementes) ou à parte vegetativa (colmos e hastes), reduzindo tanto a quantidade quanto a qualidade do produto. Com o aumento populacional de algumas espécies, tem crescido a demanda por resultados de pesquisa que contribuam para melhorar o seu manejo.

A rede terá abrangência nacional, mas se iniciou com um primeiro objetivo de fortalecer as instituições estaduais da região central do Brasil (Edital MCT/CNPq/MEC/CAPES//CT AGRO/CTHIDRO/FAPS/EMBRAPA – Edital Nº 22/2010 – Redes Nacionais de Pesquisa em Agrobiodiversidade e Sustentabilidade Agropecuária – REPENSA). Esta estratégia inicial se justifica pelo fato de a região apresentar acelerado processo de expansão agrícola e existirem poucas instituições de pesquisa, quando comparada à região centro sul. As Instituições Estaduais de Pesquisa incluídas na proposta inicial são: Empaer-MT, Emater-GO, Unitins, UEMA e IFGoiás.

A Rede Percebio beneficiará grandemente o desenvolvimento das atividades de pesquisa com percevejos no Brasil, através da cooperação científica e da formação de pessoal.

Ver mais